Tuesday, December 30, 2008

acidente...

(Pablo Picasso - Friendship)
O AMOR é que é essencial.
O sexo é só um acidente.
Pode ser igual
ou diferente.
O homem não é um animal:
É uma carne inteligente,
Embora às vezes doente.

Fernando Pessoa

Uma noite fria servida de um distinto vinho. Uma boa companhia e mil segredos. Sentados em frente ao fogo. Uma lágrima correndo do rosto para o coração. O rumor do mar a servir de música ambiente. Discutir Pessoa até ser dia…

23 comments:

Vulcano Lover said...

e se a inteligência fosse uma ilusão?

Olhos de mel said...

Oie lindo! Eu diria que o sexo faz parte do amor, embora nem sempre dele se alimente.
FELIZ ANO NOVO!
Que ele seja de luz em seus caminhos,
que a paz seja cada vez mais possível
e o amor e justiça renasçam nos corações
da humanidade!
Obrigada pela nossa caminhada, por me
permitir fazer parte de seus amigos.
Beijos

pinguim said...

São noites felizes...

Bandida said...

um distinto vinho para um distinto homem - tu. que aqueces no copo o segredo das palavras.


só podia ser assim.

um grande abraço e um excelente 2009!!!

jasmimdomeuquintal said...

são as noites assim que nos amrcam e formam o nosso património humano.
Bjs e feliz , com muitas noites assim...

jasmimdomeuquintal said...

são as noites assim que nos amrcam e formam o nosso património humano.
Bjs e feliz , com muitas noites assim...

Maria said...

Perfeito o poema de Pessoa...
Perfeita a noite, com tudo dentro. TUDO!

Bom ano de 2009
Assim!

Beijo

Jonice said...

Luís, dear!

Desejo que essa tua alegria permeie o ano novo e o veja tornar-se velho.

Beijo :)

pin gente said...

muito bonito, luís!

ao ler "discutir pessoa" lembrei-me dos ingleses... eles argumentam, não é?

feliz 2009 para o amor
abraço
luísa

Maria P. said...

Um Feliz 2009 para ti*

Beijinho.

BlueVelvet said...

Fechas o ano com um post sublime.
Como sempre.
Para ti, os meus votos de um FELIZ ANO NOVO.
Beijinhos

JCD said...

Caro Luís:

Dentro de algumas horas, um Ano Novo vai chegar a esta estação do tempo.
Procura um lugar próximo à janela e desfruta cada uma das paisagens que o tempo te oferecer, com o prazer de quem realiza a primeira viagem.
Não te assustes com os abismos, nem com as curvas que não te deixam ver os caminhos que estão por vir.
Procura olhar a viagem da vida, observando cada arbusto, cada riacho, a beira da estrada e os tons mutantes da paisagem.
Desdobra o mapa e... Feliz Ano Novo!
Tudo de bom!!!

Com carinho, um grande abraço...

(desculpem não ser uma mensagem "pessoal", mas acreditem que é com a maior amizade que vos deixo estas palavras)

LUCY said...

Mais uma do nosso
Fernado Pessoa...
"Ser feliz é atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma"

É este o desafio que todos os dias temos que enfrentar em 2009 !
Bom Ano para si também e obrigado pelo lindo post (sempre nota 10!!)
Lucy

cirandeira said...

O AMOR é que nos salva, nos engrandece, nos rejuvenesce e amplia nossos horizontes.A falta dele nos empobrece e nos brutaliza provocando guerras e destruição em massa.Além da fome e da pobreza, inclusive de espírito! Que em 2009 possamos AMAR nem que seja só um pouquinho a mais do que amamos hoje. BOAS FESTAS, Luís e muuiito AMOR em sua vida. Grande abraço

avelaneiraflorida said...

Caro Luís,

que sejam Tempos com luz dentro!!!!
Tudo de BOM!!!!

Ana Paula said...

Pareceu-me maravilhoso!!

Que 2009 possa ser assim, repleto de encanto!

Feliz Ano Novo, Luís :)

Bento said...

Noites...acidentes...

Iscte 72-77 said...

enquadramento perfeito...

GRITOMUDO said...

Pensar Pessoa
Escutar Pessoa
Olhar Pessoa
Viver Pessoa
Felizes os que possuem um coração de Mar.

GRITOMUDO

GRITOMUDO said...

Pensar Pessoa
Escutar Pessoa
Olhar Pessoa
Viver Pessoa
Felizes os que possuem um coração de Mar.

GRITOMUDO

André Benjamim said...

um feliz 2009!

Luís said...

É bom ser-se assim. Pessoa entre pessoas.

Anonymous said...

Contraponho Fernando Pessoa a Maria Teresa Horta.

Joelho

Ponho um beijo
demorado
no topo do teu joelho

Desço-te a perna
arrastando
a saliva pelo meio

Onde a língua
segue o trilho
até onde vai o beijo

Não há nada
que disfarce
de ti aquilo que vejo

Em torno um mar
tão revolto
no cume o cimo do tempo

E os lençóis desalinhados
como se fosse
de vento

Volto então ao teu
joelho
entreabrindo-te as pernas

Deixando a boca
faminta
seguir o desejo nelas.

A química é essencial...o amor sem química é desprovido de desejo. E o desejo é essencial! O sexo nunca é acidental, é sempre sintoma de algo.É mais fácil dizer que o homem às vezes é doente! Não sei se o é! o que sei é que muitas vezes não se é feliz, satisfeito.E precisamos de o ser em diversos contextos, nomeadamente em termos sexuais.Ou há uma química ou não não. O bom seria aliar Amor a essa química, mas é raro atingir uma relação auto-suficiente... E nada me convence que a rotina nos leva a ficar "doentes". Só se cai na rotina se descuidarem.E se descuidaram por algum motivo foi! Pensem nisso...