Monday, November 05, 2007

perfeitos milagres...

Hoje, fim de tarde. Livraria Pó dos Livros. Jacinto Lucas Pires lançou Perfeitos milagres. Um cruzamento de histórias que decorrem nos dias de hoje. “Trata-se de um romance a um escala maior, eu queria escrever sobre o meu tempo. Acho que há na nossa literatura e cultura, de uma forma geral, um excessivo pudor em falar da contemporaneidade”, explicou o escritor. «Eu, também enquanto leitor, gosto de ler e perceber a época em que estamos através dos livros», acrescentou. Neste romance cruza-se a história de uma estrela pop à escala planetária que tem de aprender a viver depois da tragédia pessoal que foi o suicídio da mulher, com a de um grupo de teatro que se torna quase um grupo terrorista e que quer mudar o mundo, e a de um jornalista português que quer escrever um livro para ficar na história. Lucas Pires começou a escrever o romance em Nova Iorque, ao abrigo de uma residência para escritores e daí esta ideia da estrela pop e o principiar a narrativa na cidade mais populosa dos Estados Unidos. A sessão de lançamento de Perfeitos milagres contou com a excelente voz de João Reis.

Pessoas existem de quem gostamos sem as conhecermos deveras, ao primeiro olhar, até. É o caso, Jacinto Lucas Pires, que com o seu ar de Messias e com a idade de Cristo, transmite pelo olhar, o que consegue compor pela escrita: sensibilidade e competência para narrar momentos de desespero. A ler estes milagres calmamente…

11 comments:

avelaneiraflorida said...

Caro Luís,

Não resisto a uma boa pista...
o pior é aminha pilha que avai aumentando...

UM RESTO DE BOA NOITE!!!!!

Ka said...

Luis,

Fiquei com curiosidade no livro na semana passada ao ouvir na Antena2 logo de manhã uma entrevista com ele.
É engraçado pois eu nem o olhar vi mas gostei de o ouvir. E fiquei curisa também nutro projecto que ele tem há já algum tempo que é o de fazer um filme, que para não estar sujeito a acordos comerciais, ele em princípio o vai fazer para vídeo (aqui estou só a falar de umas ideias que ouvi uma vez que não pude ouvir a entrevista toda).
É fantástico ver uma pessoa com só 33 anos e com um curriculum como o que ele tem. Sem dúvida um livro para a lista de compras!

Uma excelente semana :)

Vulcano Lover said...

Luis, deveria ler mais em português, mas o meu conhecimento da literatura portuguesa contemporânea é pequeno. Achas este romance recomendável? Fiquei com vontade de ir para Lisboa bisbilhotar nas livrarias :-P

vida de vidro said...

Uma boa sugestão. É já na próxima ida à FNAC! **

rui said...

Olá Luís

Ena pá!...olhando para ele vejo a cara do pai!
Obrigado pela dica.

Abraço

RedLightSpecial said...

Beijo.. como se houvesse amanhã!

Sol da meia noite said...

"Pessoas existem de quem gostamos sem as conhecermos deveras, ao primeiro olhar, até."
Concordo.
Penso que existem histórias de olhares que dariam um belo livro. Onde os olhares seriam então palavras...

"Perfeitos milagres", pelo que dele dizes, já considero a leitura obrigatória. E lá está, mais um jornalista português a querer escrever um livro... parece que é o sonho de todos...
*

isabel victor said...

Suave milagre ... este que aqui se revela, no "infinito pessoal".

Obrigada, Luís.Vou procurar ...

BlogAbraço

[A] said...

Obrigada pelo comentário no meu portefólio.
Aqui tenho de voltar com tento e serenidade, qualidade que hoje não tenho.
Cumprimentos.

pinguim said...

Realmente, neste jovem e fecundo escritor português, a primeira coisa que ressalta é o seu nome: Lucas Pires, a mostrar que de boas árvores se colhem geralmente bons frutos...
Curiosamente (mea culpa, mea culpa), nunca li nada dele, embora a sua obra esteja muito diversificada, quer em ficção quer em teatro.
É um escritor a ter em conta, sem qualquer dúvida.

Maria said...

Obrigada pela dica, Luís.
Vou procurar...
Um abraço